25/08/2011

Excesso de funcionários na CMG é mito

Segundo um estudo do Jornal de Negócios a Câmara Municipal da Guarda tem menos funcionários que a média nacional.

São 14 funcionários por cada mil habitantes contra os 19,6 da média nacional.

Os municípios da região que possuem maior índice de funcionários são Celorico da Beira e Mêda com 39,6 e 34,5 respectivamente. O que possui menos é o da Covilhã com 6,8 funcionários por mil habitantes.

Obviamente que a Covilhã possui muito menos freguesias (31 contra 55 da Guarda) e muito menos área (555 km² contra os 712 km² da Guarda) a gerir o que certamente conta na hora da poupança com os recursos humanos.


Não menos interessante, e que tendo em conta estes dados, que a CM da Covilhã esteja bastante mais endividada (100M €) que a da Guarda e a perder população a um ritmo acelerado de várias décadas a esta parte.

Está assim desfeito o mito segundo o qual a CMG teria práticas de gestão de recursos humanos menos cuidadas.
Estamos mesmo em crer que, se algumas empresas municipais fossem saneadas do ponto de vista do rigor das suas contas, a CMG poderia apresentar uma dívida bastante controlada.
O estudo pode ser consultado aqui.

3 comentários:

El Sofa disse...

Mas não é a decadência dos outros que nos deveria deixar melhor...

Anónimo disse...

Então em Celorico uma das autarquias mais devedoras do país está entre as que mais funcionários tem?
E a culpa ainda é do Julio?

Anónimo disse...

Bem visto.
Não quer dedicar-se a formação e ensinar aos senhores que escrevem em jornais e falam aos microfones como se faz jornalismo?