19/12/2011

Américo Rodrigues enfrascou ar da Guarda



Outras performances do mesmo artista:

http://egitaniense.blogspot.com/2011/10/30-minutos-sublimes.html

1 comentário:

Anónimo disse...

O primeiro ano até tem piada. Agora duas vezes (por mais mediática que seja), a piada deixa de ser piada e cai no ridículo.
É o que este senhor por vezes faz, ridiculariza a cidade.